Terça, 26 de Janeiro de 2021 20:49
99 99999-9999
Dólar comercial R$ 5,33 -3.304%
Euro R$ 6,48 -2.81%
Peso Argentino R$ 0,06 -0.12%
Bitcoin R$ 185.023,28 +0.651%
Bovespa 116.464,06 pontos -0.78%
Economia Ford

Fechamento da Ford no Brasil pode gerar aumento de preço nos veículos da montadora

“Pode ser que o carro valorize mais ainda sendo que o produto vem de fora. É questão de logística”, especula-se.

13/01/2021 21h26
39
Por: bocadeforno Fonte: Boca de Forno News
Fechamento da Ford no Brasil pode gerar aumento de preço nos veículos da montadora

A Federação das Industrias do Estado da Bahia (FIEB), através do seu Gerente de Estudos Técnicos e Pesquisas, Ricardo Kawabe, sediada em Camaçari/Ba, busca alternativas sobre a decisão da FORD de fechar as fábricas no Brasil. A medida tem impacto direto no PIB do estado. Segundo Kawabe, a FIEB foi "pega de surpresa" com a decisão anunciada na última segunda-feira (11).

Ainda de acordo com ele, 5 mil empregos serão perdidos diretamente com o encerramento da produção de veículos no Brasil. Sobre os empregos indiretos que serão perdidos, ele diz ser quase impossível mensurar a quantidade. 

Ao lamentar a decisão, o Gerente da FIEB reforçou que a Federação tenta buscar saídas alternativas sobre a tomada de decisão da multinacional. "Lamentamos muito a decisão, mas buscamos alternativas para estes trabalhadores."

Para o revendedor de veículos Marcos Barbosa, a medida poderá acarretar no aumento de preço dos veículos da montadora. “Pode ser que o carro valorize mais ainda sendo que o produto vem de fora. É questão de logística”, especulou.

Recentemente, a Ford completou um século de Brasil. Porém, ao invés de comemoração, a marca vem amargando derrota atrás de derrota desde 2019, quando fechou a planta de São Bernardo do Campo (SP) até o fim da produção nacional anunciado esta semana, com o fechamento das unidades na Bahia, São Paulo e Ceará. A alegação são as perdas significativas acumuladas por questões como pandemia, capacidade ociosa e redução de vendas.

"A Ford no Brasil tem se enfraquecido e perdido espaço (...) é uma lástima", finalizou Ricardo Kawabe.

Informações do radialista Luiz Santos

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.